Siga-nos
dicas para lidar com gato arisco

Calma! Separamos 10 dicas para lidar com gato arisco

Que os gatos são criaturas apaixonantes todo mundo sabe, mas é preciso reconhecer que eles são menos domesticáveis que os cães, uma vez que o felino pode voltar ao seu estado selvagem mais rapidamente. Por isso, muita gente acha que eles são animais difíceis ou ariscos. Entretanto, não é bem assim. Em primeiro lugar, é preciso distinguir um gato arisco de um gato medroso.

Um gato amedrontado deixa suas orelhas e sua cauda abaixadas e lhe dá sinais para que não se aproxime, como rosnar ou assoprar. Já o gato arisco vai lhe atacar sem medo. Realmente, gatos ariscos não são nada fáceis, mas com amor e paciência você vai ganhar o coração do seu gatinho. Quer ver como? Confira agora nossas dez dicas para lidar com um gato arisco.

1 – Leve-o ao veterinário

A primeira coisa a fazer com um gato bravo é levá-lo ao veterinário. Uma consulta de rotina irá atestar se o motivo da irritação é causado por alguma dor ou incômodo que só um profissional poderá diagnosticar.

2 – Investigue o ambiente

Gatos são sensíveis ao ambiente e às suas mudanças bruscas, por isso, certifique-se de que o lugar onde ele vive não está muito barulhento ou que há muito trânsito de pessoas desconhecidas. Se for um desses motivos, prepare um “ambiente de fuga” para seu felino ter onde se esconder de forma aconchegante.

3 – Não force a barra

Se o seu gato está irritado e fugindo de você, não tente pegá-lo no colo à força ou obrigá-lo a receber seus carinhos. Acredite, isso vai ser muito pior. É aconselhável que você persista, respeitando sempre o espaço do bichano.

4 – Tente atraí-lo com agrados

Tente fazer seu gato arisco se aproximar de você com petiscos e brinquedinhos seguros para diversão deles. Se ele já está com você há algum tempo, já sabe qual sua diversão preferida. É um rolo de barbante? Então tente balançá-lo até que a desconfiança suma.

5 – Não use de violência

Se durante a irritação o seu gato acabou fazendo algo que não devia, como derrubar um vaso, não o repreenda com violência ou tom de voz muito alto. Como já dissemos, gatos são sensíveis e detestam gritos. Repreendê-lo de forma carinhosa tornará a reaproximação muito mais fácil.

6 – Use florais

Florais são substâncias super seguras para os bichanos e podem fazer o seu gato arisco virar um anjo. Muita gente já conseguiu e indica!

7 – Aperte o play

Estudos comprovam que muitos gatos se acalmam com músicas lentas, principalmente as clássicas. Quando seu bichano estiver bravo, aperte o play e observe a mudança de comportamento.

8 – Prepare o ambiente do gato

Como você ficaria se fosse obrigado a viver em meio a sujeira e a bagunça? Com certeza não seriam seus melhores dias, por isso, limpe a caixa de areia do gatinho e deixe o local seguro para que ele brinque à vontade.

9 – Abaixe-se

Sim, isso mesmo! Quando seu gato estiver arisco, tente se agachar ou deitar em frente a ele de forma que vocês fiquem no mesmo nível. Isso faz com que ele não lhe enxergue mais como ameaça e perca um pouco da desconfiança.

10 – Deixe-o se aproximar

Em vez de incorporar a Felícia e sair pela casa tentando agarrar seu gato a todo custo, sente-se ou deite-se com petiscos e brinquedinhos e espere seu gatinho arisco perceber que você só está lá para deixá-lo feliz.

Nossas dicas vão garantir muito carinho como forma de agradecimento. Duvida? Então coloque-as em prática! Tem mais algum segredinho para dividir com a gente? Deixe seu comentário no post!

Postagens relacionadas
brinquedos para gatos
Como fazer brinquedos para gatos: 5 dicas incríveis
adestrar gatos sem estresse
Aprenda como adestrar gatos sem estresse
Seu gato arranha móveis?
Seu gato arranha móveis? Aprenda como resolver esse problema
Meu gato não usa mais a caixa de areia
Meu gato não usa mais a caixa de areia, é possível identificar o motivo?
Gatos amigos: 5 dicas para construir uma linda amizade
Gatos amigos: 5 dicas para construir uma linda amizade
16 Comentários
  • Olá ,sou eu novamente *_* .
    Obrigada pelas dicas de ontem, minha gatinha não está mais agressiva, ela deixa a gente fazer carinho e pagá-la. Porém, oque preocupa é sobre ela não comer. Desde ontem ( que a adotamos) ela não come a ração .
    Acho que ela já tem 1 mês e meio, ela aceita ração nessa idade mesmo, ou o cara da casa de ração mentiu pra mim?
    O que faço para ela comer??
    Obrigada sempre !!

    • Oi Edlayne, ela ainda está muito assustada, é normal ela recusar comida e ficar escondida por um tempo. Molhe a ração seca com um pouco de água, pode ser que isso facilite pra ela comer. É legal comprar sachês para bebês também, nessa fase pode ser que ela prefira comer comida pastosa. No entanto, se ela mesmo assim não começar a comer e passar mais de um ou dois dias, procure um veterinário. Abs Equipe Areia de Gato

  • Olá,
    Gostaria de saber como eu faço para deixar um filhote se aproximar da gente.
    Adotamos ele,e ele é muito assustado e bravo, pois ele não recebia carinho e não convivia com gente, por isso ele é assim.
    Estou com medo de não conseguir deixá-lo manso e não se aproximar da gente.
    Obrigada e parabéns pelo site.

    • Olá Edlayne, é muito comum no início o filhote ter esse comportamento, afinal foram muitas mudanças na vida dele, a separação da mãe e da sua ninhada, a dificuldade de viver sozinho nas ruas, entre outras coisas. É importante você respeitar o tempo dele, não forçar o carinho pois ele ainda está desconfiado e inseguro. Tente brincar com ele com bolinhas e varinhas com peninha na ponta, ele precisa canalizar essa energia de filhote se exercitando. Dê sachês uma ou duas vezes ao dia, converse com ele e aos poucos ele vai começar a estabelecer uma relação de confiança com você. É muito importante, também, que após os 4 meses de idade ele seja castrado, isso ajudará muito na convivência com ele. Abs Equipe Areia de Gato

  • Preciso de ajuda!tenho um gato que sempre foi violento quando se sentia ameaçado por algo,e ultimamente tá muito pior porque adotei um outro gato filhote e apareceram 2 gatos abandonados em nosso quintal!ele já está tomando floral há + de um mês. A partir de quando vou ver alguma melhora no comportamento dele?o gato filhote vive isolado pq tenho receio dele ataca-lo

    • Oi Germana, é difícil precisar um tempo, pode ser que leve dias, semanas, meses e até anos para ele se acostumar. O que muitos especialistas indicam é que os dois gatos precisam estar castrados, para que não haja disputa de território. A segunda coisa é tentar aliviar a tensão do gato mais velho. Tente brincar com ele pra que ele tire a atenção do gatinho novo. Tente aproximá-los com comida, coloque a ração úmida ou petiscos que ele goste somente quando estiver na presença do gatinho mais novo. Ele precisa associar o novo membro da família a coisas boas. Mas lembre-se nada é da noite para o dia, tem que ter paciência. Pode ser que eles nunca sejam melhores amigos, mas é importante que convivam em paz, sem riscos para nenhum dos dois. Nesse período de adaptação não deixe os dois juntos sem sua supervisão! E crie espaços para que o gatinho mais novo possa se esconder do mais velho! Abs Equipe Areia de Gato

  • Meu gato era da minha vó e quando ele chegava perto da casa dela ela batia e chingava ele e agora eu peguei ele pra mim . O que faço ele ficou arrisco e não deixa eu pegar ele para dar comida e carrinho, eu chego perto dele e ele foge…O que faço?

    • Oi Bruna, se ele ainda não for castrado a primeira coisa é agendar a castração dele. Isso já vai trazer alguns benefícios imediatos. O gatinho está assustado com todas as mudanças que ocorreram, além de nunca ter tido uma boa experiência com seres humanos, é natural ele estar com medo. Você precisa ter um pouco de paciência e respeitar o tempo dele. Tente atraí-lo com coisas boas, petiscos, atum em lata, sachês. Quando ele vier comer tente se aproximar, converse com ele, demonstre afeto. Aos poucos ele vai começar a confiar em você. Abs Equipe Areia de Gato

  • Bom dia
    Eu tenho 9 gatos e o primeiro gato que tive está muito arisco. Fico preocupada com ele. Será que é por causa dos outros gatos?. Sonny ( que é o primeiro gato ) sempre foi na dele, mais de uma tempos pra cá ele não quer que nenhum bichano chegue perto. Os humanos, ele as vezes procura para carinho rápido. O que posso fazer?

    • Oi Deuzenir, para a melhor convivência entre os gatos é importante que todos eles sejam castrados. Se ainda não forem, providencie a castração o quanto antes. Observe se o seu gato mais velho está se sentindo ameaçado ou enciumado pela presença dos demais, tente dar mais atenção a ele, promova brincadeiras e recompense com petiscos somente quando ele estiver próximo dos outros. Caso você perceba que ele está muito amuado e não está comendo como antes procure um veterinário. Abs Equipe Areia de Gato

    • Como fazer para castrar um gato que e arisco

      • Oi Cleia, o correto é transportar o gatinho em uma caixa de transporte para que ele não fuja ou se machuque durante o trajeto para a clínica. A castração é feita com anestesia. Abs Equipe Areia de Gato

  • Olá gente, bom dia! Tenho um gato de aproximadamente 3 anos. Ele está comigo desde que era filhote. Eu moro em fazenda, e com isso tem muitos cachorros. Com a última mudança que fizemos ele ficou com medo por conta de um cachorro que correu atrás dele. Ele fica escondido por semanas e quando volta pra casa ele não deixa chegar perto, coloco ração pra ele mas ele come com medo, e é só ver os cachorros que ele foge. Ele era acostumado com os meus, mas como os outros correram atrás dele lá meus começaram a fazer o mesmo. Eu não sei o que fazer, vou mudar de novo e não sei como vou fazer pra levá -lo comigo. Por favor, me ajudem! Não quero abandonar meu bichano 🙁

    • Olá Mariana, você precisa preparar a sua casa para que seu gatinho se sinta seguro! Se ele estiver em um ambiente que pode ser atacado a qualquer momento ele vai se esconder! Em lugares como fazenda ou casas você pode preparar o que chamamos de “catio” é um espaço cercado com telas e que dá acesso à casa, onde ele poderá ficar sem se preocupar. Se os cachorros correm atrás dele, então o ideal é que eles não dividam o mesmo espaço, não deixe os cachorros nos mesmos ambientes que o gato. Coloque telas de proteção nas janelas para que o gato não saia de casa e os cachorros não entrem. O gato para ficar feliz em casa precisa se sentir seguro! Muito cuidado para não deixar os seus cachorros entrarem nesse local onde o seu gatinho vai estar, caso contrário ele perderá a confiança de novo e o pior, poderá ser atacado e se ferir gravemente, visto que estará sem possibilidade de fuga! É importante castrar o seu gatinho e se possível adotar outro gatinho para fazer companhia a ele! Lembre-se a caixinha de areia precisa estar limpa e em local seguro. Abs Equipe Areia de Gato

  • Olá gente, bom dia!
    Na minha casa, temos uma gatinha tricolor, e ela sempre foi muito arisca, tanto é que, eu sempre tive medo de animaiszinhos porque pensava que todos eram como ela.
    Há alguns meses adotei uma gatinha Snowshoes, e ela é muito amorzinho, perdi o medo dos bichinhos por causa dela.
    Mas a outra gatinha tricolor, não tem jeito! Já fizemos de tudo, mas ela sempre morde, arranha, rosna, etc…
    Meu namorado sempre teve gatos e entende bastante sobre eles, mas também não consegue entender porque a gatinha tricolor é daquele jeito!
    Nós temos essa gatinha tricolor há uns 10 anos, e ela sempre foi assim…
    Será que vocês poderiam me ajudar?!

    • Olá Joy, gatos tem comportamentos diferentes mesmo! Alguns gatos são mais ariscos que outros, sem motivo, é o temperamento natural de cada um! Tente entender melhor em quais momentos ela está mais relaxada para você se aproximar sem ser arranhada e tente identificar alguma brincadeira que ela goste que você possa brincar com ela. Brincadeiras são excelentes para que eles gastem energia, às vezes gatos que não se exercitam acumulam ansiedade e podem se tornar agressivos. Recompense com petiscos sempre que ela fizer algo positivo! Abs Equipe Areia de Gato

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web

Aproveite para comprar sua areia agora