Siga-nos
adoção de gatinhos

“Eu me apaixonei por ele e ele ficou, ganhou ração, caixa de areia limpinha e cama quentinha”

Eu conheci o meu gato, Bituca, no dia 21 de Outubro de 2013. Era uma segunda feira, feriado do dia do Comerciante, no Rio de Janeiro. Eu trabalhava em um estúdio que ficava em um condomínio, e perto tinha uma construção de um grupo de prédios. Todo dia eu passava em frente às construções, mas como era feriado, não tinha ninguém. 

O resgate

Quando eu estava passando eu ouvi um miadinho, e pensei “meu Deus, um gatinho, não posso deixar ele aqui”. Com certeza ele deve ter sacado que eu tenho um fraco muito grande por gatos pretos. Eu olhei em volta e vi aquela bolinha preta vindo na minha direção, ele devia ter em torno de 2 meses. Peguei ele e levei para o trabalho, dei um pouco de leite e subi para trabalhar, mas acabei saindo mais cedo pois estava preocupada com o gatinho.

Lar temporário

Como era feriado e não havia nenhum pet shop aberto, eu levei ele para casa e disse “vai ser temporário, vamos esperar passar o Halloween e colocar ele para adoção”. Achei melhor esperar passar o Halloween porque sempre fico com medo de maldades que pessoas podem fazer a gatos pretos em datas assim. 

Quando cheguei em casa dei um banho, tirei as pulgas que ele tinha, e dei atum. Só no dia seguinte que consegui comprar vermífugo e uma comida apropriada para ele, já que era feriado no dia.

Lar definitivo

Na primeira noite ele ainda dormiu no banheirinho, mas não aguentei depois e deixei ele dormir comigo. Depois disso todos sabemos o desfecho: é claro que na maioria das vezes essa história de lar temporário nunca dá certo, hahaha. Eu me apaixonei por ele e ele ficou, ganhou ração, caixa de areia limpinha e cama quentinha.

Anos depois…

Então, 3 anos e meio depois aqui estamos nós, tendo a honra de viver com esse gato charmoso e modelo nato. Sou fotógrafa e afirmo que nunca vi um gato tão metido! É só pegar a câmera e ele começa a fazer poses! É um gato muito exibido mesmo!

Ele gosta de se espreguiçar no sol, brincar de correr pela casa e é apaixonado por atum ou salmão. Além disso, é super ciumento, gosta de ter atenção exclusiva, vê se pode.

 

Agradecimento especial à Thaissa Resek por compartilhar essa linda história conosco! 

Postagens relacionadas
brinquedos para gatos
Como fazer brinquedos para gatos: 5 dicas incríveis
adestrar gatos sem estresse
Aprenda como adestrar gatos sem estresse
Seu gato arranha móveis?
Seu gato arranha móveis? Aprenda como resolver esse problema
Meu gato não usa mais a caixa de areia
Meu gato não usa mais a caixa de areia, é possível identificar o motivo?
Gatos amigos: 5 dicas para construir uma linda amizade
Gatos amigos: 5 dicas para construir uma linda amizade

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web

Aproveite para comprar sua areia agora