Siga-nos
Gatos amigos: 5 dicas para construir uma linda amizade

Gatos amigos: 5 dicas para construir uma linda amizade

A chegada de um novo gato em uma casa que já tem outro gato nem sempre é positiva. Isso porque os lindos felinos gostam de preservar seu próprio espaço e não gostam de demonstrar insatisfação ao dono. Muito pelo contrário, eles preferem demonstrar frustrações de forma depressiva e sutil. Mas, os gatos podem sim ser bons amigos uns dos outros. Separamos cinco dicas preciosas para que você faça que seus gatos se tornem gatos amigos! Vamos lá?

1. Isolamento total nos primeiros dias

Antes de colocar o novo morador com o gato veterano é recomendado que ele fique uns dias em isolamento total. Isso permitirá que ele sinta o cheiro do ambiente, e quando for apresentado ao outro gato, o impacto não será tão grande.

E por falar em apresentação, essa deve ser feita aos poucos… Reserve alguns minutos do dia para que ele se aproxime do novo visitante. Isso pode durar algumas semanas ou até meses. O importante é estar sempre perto dos futuros amigos, intervindo sempre que necessário.

2. Dê liberdade aos bichanos

Gatos gostam de espaço e, para isso, precisam também de liberdade para circular e se esconder onde bem quiserem. Com a presença de outro gato, eles precisam estar a uma distância de um a três metros um do outro, ou escondidos um do outro.

Ter esse espaço para circulação é importante para deixá-los mais confiantes e confortáveis para brincar ou evitar brigas também. E quando falamos de espaço, estamos falando de um lugar em que ele possa dormir e descansar de forma confortável, com uma estrutura que possibilite que eles observem tudo ao seu redor.

3. Não existe o gato preferido, dê atenção aos dois

Gatos são quase como crianças pequenas com irmãos: odeiam se sentir menos querido que o outro. Portanto, vasilhas de água e de comida e caixinha de areia devem ter seus respectivos donos. Nada de deixar que eles compartilhem esses objetos. O novo morador pode se sentir acanhado no começo ou amedrontado pelo veterano. Deixe esses itens a uma determinada distância, impedindo que o mais velho monopolize tudo.

4. Não tente separar eventuais brigas

É comum que algumas brigas aconteçam nos primeiros dias. O ideal é não tentar separá-los. Quando isso acontecer, faça barulhos (grite, bata palmas ou bata o chinelo na parede). Em casos extremos, jogue água para apartar a briga.

Não é preciso separá-los de cômodo, mas é preciso ficar sempre alerta. Quando os gatos brigam entre si, é comum que fiquem rusgas por alguns dias, mas, distrações com brinquedos e carinhos podem aliviar.

5. Dê tempo aos gatos amigos

Tudo tem o seu tempo, e isso também é válido para os gatos. O processo pode demorar em média, de um a dois meses. Pode ser que eles nunca virem melhores amigos, mas, a convivência pacífica é algo passível de ser criado.

O importante é ter cuidado e planejamento. Jamais chegue em casa com o novo morador com a esperança de que ele será bem recebido. O processo de adaptação deve ter muita paciência e persistência. Caso não dê certo nas primeiras semanas, volte à dica um e comece tudo novamente.

Vale lembrar que no mundo animal tudo ocorre naturalmente, então, não force a convivência dos dois, vá com calma.

Pode ser que em alguns dias eles estejam dormindo juntos, ou, depois de algumas semanas, cada um esteja respeitando o espaço do outro. O importante é não desistir! Temos certeza que em pouco tempo a família estará cheia de harmonia!

E você? Está pensando em apresentar um novo gatinho ao seu gato? Conte para nós!

Postagens relacionadas
brinquedos para gatos
Como fazer brinquedos para gatos: 5 dicas incríveis
adestrar gatos sem estresse
Aprenda como adestrar gatos sem estresse
Seu gato arranha móveis?
Seu gato arranha móveis? Aprenda como resolver esse problema
Meu gato não usa mais a caixa de areia
Meu gato não usa mais a caixa de areia, é possível identificar o motivo?
Como cortar unha de gato sem machucar o pet
Como cortar unha de gato sem machucar o pet
22 Comentários
  • Gostaria de saber o que devo fazer tenho uma gata de 8 anos adotei um gatinho a 4 dias minha gata mais velha fica arisca comigo e minha irmã minha gata esta comendo mto pouco nao está bebendo água e hoje nao usou sua caixa de areia obs:a caixa esta limpa o que devo fazer estou mto preocupada com ela. . obrigada

    • Oi Priscyla, é normal a sua gata mais velha estranhar o gatinho mais novo. O ideal é você colocar o gatinho recém adotado em um cômodo isolado nos primeiros dias, com água, ração e caixa de areia só pra ele. Aos poucos, sob sua supervisão, vá apresentando os dois para que a gata da casa não se sinta ameaçada e queira atacá-lo. Coloque os dois juntos no mesmo ambiente na hora da comida, coloque um sachê para os dois e veja como se comportam. Deixe para dar o sachê e petiscos para eles somente quando estiverem juntos, para que a gata da casa possa associar ele a momentos bons. Aos poucos você pode ir liberando toda a casa pro gatinho novo. É importante que os dois tenham uma caixa de areia pra cada um e um pote de comida pra cada um também. Brinque com eles sempre que possível para que gastem energia. Abs Equipe Areia de Gato

  • Tenho um gato macho de quase cinco meses.
    E faz dois dias que adotei um gatinho macho tbm que so tem um mês, e meu gato mais velho está se estranhando com o mais pequeno o que devo fazer para que eles se tornem amigos e sem brigas estou mto preocupada

    • Oi Keila, é super normal o gato da casa estranhar o recém chegado. No começo deixe os dois em ambientes separados, com comida, água e caixa de areia para cada um. Junte os dois quando você estiver junto para supervisionar se o mais velho não irá atacar o mais novo. Tente juntá-los na hora da comida. E brinque com os dois para eles gastarem energia, são filhotes ainda e precisam brincar. Aos poucos vá juntando os dois no mesmo ambiente. Abs Equipe Areia de Gato

  • Adotei uma gatinha de rua e prenha.Hoje examinando sua boca percebi que não tem os dentes incisivos. Tenho outra gata de 5anos e ttem tedos os dentes. Será que ainda não nasceram?

  • Adorei as dicas , obg.

  • Eu usei baunilha nos dois gatinhos que tenho, passei atrás do pescoço deles e os dois começaram a se lamber, hj são amigos, mas de vez em qdo tem arranca rabo kkkk mas é normal!

  • Adotei uma gatinha faz 3 meses ela é muito imperativa.agora adotei Oi tá pequenina.a maior ficou muito brava e da sinal de atacar a pequena tenho medo de deixar as duas juntas e só há que trabalho fora.que fazer?Queria ficar com as Duas!

    • Oi Anaide, o ideal é ir apresentando as duas aos poucos. Como você não está em casa durante o dia deixe as duas em cômodos separados, com água, ração e caixinha de areia para cada uma. O ideal é que quem chegou por último tenha acesso restrito a casa por um tempo, para que vá se acostumando aos poucos. Quando você estiver em casa deixe as duas juntas e nesses momentos tente interagir com as duas brincando. Se não houver briga recompense as duas com ração úmida, atum ou petiscos que elas gostem. Aos poucos vá deixando as duas no mesmo ambiente, e quando você perceber que não tem mais riscos de brigas pode deixar as duas soltas na casa. É muito importante também que as duas sejam castradas. Boa sorte! Equipe Areia de Gato

  • Maria do Socorro Gomes Silva
    Responder

    Sou apaixonada por gato e cachorro tenho três gato e três cachorro eles são muito fofo e se eu pudese não via menu abadonado nas ruas

  • Eu tenho uma gata de sete meses e resgatei uma de dois meses. Segui sua dica e em duas semanas se tornaram irmãs, brincam, dividem comida, brinquedos e travessuras

  • Tereza Caroline
    Responder

    Tenho dois gatos, o siamês tem 11meses e a gatinha tem 4 meses. Eles conseguem conviver bem, este mês vou castrar os dois
    Eles já possuem um bom convívio mas espero que melhore ainda mais. No início foi difícil, segui as dicas e deu tudo certo. Sou muito feliz com o Stive e com a Acerola. Amo as dicas do blog.

  • Há 3 anos vivemos com 4 gatas castradas. Uma com 4 anos, uma com 5 e duas com 2 anos. Não há conflito mas há uma delimitação de limites entre elas. Porém, neste ano tivemos que receber gato macho castrado de 8 anos. Aí a dinâmica da casa mudou. Ele chegou assustado e foi isolado para adaptação e as demais se mantiveram distantes do cômodo que ele se encontrava. Fomos abrindo as portas e promovendo uma integração. Mas ele vive assustado se escondendo e sempre acaba se retirando dos espaços e se escondendo por conta do sibilo de quem ele encontra. Fazemos carinhos e brincadeiras com quase todos juntos mas tudo vai bem até alguma delas se estressar e partir pra cima. Lembra muito uma criança numa escola nova. Tenho fé que consiga dormir em paz sem apartar brigas.

    • Oi Rodrigo, alguns gatos demoram mais pra aceitar a presença de um estranho na casa. Tente recompensar as gatinhas com petiscos sempre que se comportarem bem perto dele. Tente promover brincadeiras para que todos participem! O gato que acabou de chegar precisa se sentir seguro, então observe se ele está comendo direito e usando o banheiro, caso contrário procure a ajude de um veterinário! Boa sorte, com paciência tudo se resolverá! Abs, Equipe Areia de Gato

  • Tenho 2 gatos! O Gato e a Jolie, a Jolie já tem 6 anos e qdo me casei ficou com a minha mãe, acabei adotando o Gato há 3 anos atrás e há 1 trouxe a Jolie pra morar conosco. Eles brigam desde então, me mudei de apto e achei que melhorou um pouco, acredito que pela demarcação de território que não existia… Mas não tem um dia que eles não briguem, o Gato não dá sossego pra ela e se ele chega perto ela faz um escândalo! Estou na fé de que um dia melhore pq apenas se toleram…

  • Olá Paola, adotei uma gatinha a dois dias, e tenho uma gata com 3 anos. A gata mais velha fica querendo mexer com a mais nova, e a outra mais nova se arrepia toda e faz aquele barulho. Quando você falou para deixar em isolamento total, é para deixar longe da gatinha nova ou de td mundo em um ? E é a mais velha ou a mais nova? Estou preocupada que elas nunca se entendam.

  • Bom dia!Meu gato tem 4 anos e quando tinha um ano eu castrei, ele não sobe muro e só tenho ele ;quero que me oriente por favor, o que fazer para ele parar de jogar jatos de mijo nas paredes de dentro de casa? É macho com quase 9 kilos,lindo e amo muito ele!

    • Oi Rosangela, alguns gatos fazem isso para chamar a atenção do dono! Ele sempre fez isso ou é algo novo? Se é algo recente qualquer alteração na rotina da casa e da família podem ter gerado esse comportamento. Se nada mudou é importante consultar um veterinário pois pode estar relacionado a algum outro problema! Abs, Equipe Areia de Gato

  • Tô tendo problemas pra adaptar a filhote com a gatinha de dois anos, minha cachorra velhinha aceitou na boa, mas a gatinha mais velha tá resistindo, já diminuíram os assopros, agora a maior só observa, de longe.Tô seguindo as dicas, mas é complicado. Obrigada.

    • Oi Simone, alguns gatos são bem resistentes e demoram pra aceitar o novo membro da família! Com calma eles vão se adaptando sim, mesmo os gatos que se dão bem as vezes brigam, desde que não se machuquem não há problema com isso! Tente sempre recompensar a gata mais velha quando ela estiver próxima do filhote, petiscos e carinho sempre ajudam! Alguns gatos nunca serão amigos mas poderão conviver em paz, que é o mais importante! Abs, Equipe Areia de Gato

  • Gostaria de saber alguma dica de socializar um gato com um cachorro. Cachorro labrador esta comigo ha 8 anos e o gato cada vez q ve ele fica muito bravo, inclusive ja me mordeu. alguma dica?

    • Oi Paola, os dois são castrados? Normalmente cães e gatos são mais agressivos e territorialistas quando não são castrados! Estamos preparando um artigo que fala exatamente sobre esse assunto, continue acompanhando nosso blog que logo teremos dicas para esses casos!

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web

Aproveite para comprar sua areia agora