Siga-nos
como se livrar de pulgas e carrapatos em gatos

Saúde dos gatos: entenda como se livrar de pulgas e carrapatos

Muito se fala sobre pulgas e carrapatos em cães. Mas será que somente eles estão suscetíveis a esses parasitas? Infelizmente não! Os felinos também podem sofrer deste mal incômodo e perigoso.

No post de hoje você entenderá como as pulgas e carrapatos podem afetar a saúde dos gatos e como mantê-las bem longe do seu pet. Acompanhe e tire suas dúvidas!

Por que é mais rara a contaminação de gatos por pulgas e carrapatos?

Diferentemente dos cães que fazem longos passeios por locais onde esses parasitas circulam, os felinos são animais que permitem criação indoor e por isso se expõem menos ao risco de contraí-los.

Além disso, por investirem um bom tempo do dia lambendo-se, os gatos conseguem eliminar alguns desses bichinhos antes mesmo de grudarem de vez ao seu corpo.

Quais problemas esses parasitas podem trazer para a saúde dos gatos?

Tanto as pulgas quanto os carrapatos podem causar diversos incômodos e problemas para a saúde dos gatos.

Eles podem transmitir doenças graves dependendo do número de parasitas no animal, como quadros severos de anemia e problemas neurológicos. Conheça algumas dessas doenças:

Carrapatos

Ehrlichiose

Transmitida por meio da picada do carrapato marrom, essa doença ataca os linfonodos, destruindo os glóbulos brancos. Os sintomas variam muito de acordo com o estágio, mas febre, perda de peso e dificuldade para respirar devem ser observados com atenção. Uma consulta com o veterinário de confiança é indispensável. O tratamento é  feito com antibióticos.

Pulgas

Dermatite alérgica

A saliva da pulga pode causar forte reação alérgica ao animal gerando um quadro de coceira intensa. Observa-se também sintomas como perda de pelos, aparecimento de feridas e mau cheiro. Como todo processo alérgico, não existe uma cura definitiva. O tratamento é feito com antibióticos, antialérgicos e cicatrizantes. Neste caso o melhor remédio é a prevenção.

Verminose

As pulgas podem transmitir vermes aos gatos. Esses parasitas causam sangue nas fezes e diarreias intensas. Todo animal que tiver sido vitima de uma infestação de pulgas deve ser vermifugado e os vermífugos devem ser usados também como prevenção.

Como se livrar das pragas?

Em ambos os casos de infestações de pulga e de carrapatos, a prevenção e o controle – principalmente no verão, estação com um aumento de casos de parasitoses – são as melhores soluções para evitar problemas de saúde nos gatos.

Algumas atitudes ajudam também ajudam a prevenir esse problema:

Aplicação de remédios tópicos

Existem no mercado, remédios de uso externo muito eficientes no combate a pulgas e carrapatos em qualquer fase do seu desenvolvimento — ovos, pulpa, larvas e adultos.

Seu uso é seguro (lembre-se de se orientar pela bula para que o gatinho não corra o risco de lamber a região da aplicação), e garante a proteção do felino por até seis semanas após o uso.

E o melhor! Podem ser comprados sem receita médica e ser aplicados em filhotes a partir de oito semanas de vida. 

Higienização da casa

Em infestações de pulgas e carrapatos às vezes não basta tratar apenas o animal. Em casos extremos, a dedetização é um ótimo caminho para eliminar os parasitas. O ideal é fazer duas aplicações com intervalos de 3 a 4 semanas.

Caso a dedetização não seja uma opção, a aplicação semanal de produtos antipulgas para o ambiente da linha veterinária também é indicada.

Inspeção visual cuidadosa

Apalpe o bichano procurando protuberâncias para identificar carrapatos já presos na pele. Use pente de pulgas para eliminar os parasitas adultos e as ninfas. Olhe atentamente atrás de orelhas, pescoço e patas.

Após retirar a pulga ou carrapato do seu animal, certifique-se de ter matado o parasita para que ele não volte a causar problemas ao seu gato.

Visitas periódicas ao veterinário

Somente o veterinário poderá indicar produtos antipulgas e carrapatos de longa duração ideais para o seu gatinho, considerando idade e peso. Além disso, ele fará orientação específica sobre a forma de aplicação para que não haja riscos de intoxicação e resultados prejudiciais à saúde dos gatos.

Você já passou por problemas com pulgas e carrapatos no seu felino? Como resolveu a questão? Deixe seu comentário e compartilhe com a gente suas experiências! 

Postagens relacionadas
brinquedos para gatos
Como fazer brinquedos para gatos: 5 dicas incríveis
adestrar gatos sem estresse
Aprenda como adestrar gatos sem estresse
Seu gato arranha móveis?
Seu gato arranha móveis? Aprenda como resolver esse problema
Meu gato não usa mais a caixa de areia
Meu gato não usa mais a caixa de areia, é possível identificar o motivo?
Gatos amigos: 5 dicas para construir uma linda amizade
Gatos amigos: 5 dicas para construir uma linda amizade

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Seu nome*
Sua página da Web

Aproveite para comprar sua areia agora